Vigilante é preso por matar jovem a tiros após briga na Grande Natal



Um vigilante de 30 anos foi preso na madrugada deste sábado (13) suspeito de matar um jovem de 23 anos a tiros após uma briga em um bar na zona rural de São José de Mipibu, na Grande Natal. O homem foi detido pela equipe de plantão da Delegacia Especializada de Homicídios (Dehom) no Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, também na região metropolitana.
O delegado Emerson Valente, da Dehom, explica que o crime aconteceu por volta das 23h30 no distrito Manimbu. O vigilante teria discutido e entrado em luta corporal com o jovem. A vítima, identificada Francisco Canindé Pedro da Silva, feriu o vigilante com uma facada na altura da cintura.
Ferido, o vigilante foi até o carro, pegou uma arma e atirou seis vezes no jovem, que morreu no local. Após o crime, o suspeito foi até o Hospital Deoclécio Marques, onde foi preso pela equipe da Dehom. A arma do crime não foi achada, mas testemunhas confirmaram que o vigilante foi o responsável pelo homicídio.
"Ele confessou o crime e afirmou que foi legítima defesa, porém no nosso entendimento não foi o que aconteceu, já que o vigilante saiu da briga para buscar a arma e matar o rapaz", conta Valente. De acordo com o delegado, o suspeito não mostrou arrependimento. O suspeito trabalha em uma empresa privada de segurança em Natal e não possui porte de arma de fogo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTENDA OS MASSACRES DE CUNHAÚ E URUAÇU, DATA QUE É FERIADO NO RIO GRANDE DO NORTE

Odon Jr e Anderson realizam Festa da Vitória na próxima terça-feira (11), véspera de feriado

Festa do Boi começa nesta sexta com Aviões, Simone & Simaria, Luan Estilizado, entre outras atrações