Câmara Municipal de Caicó aprova retirada de expressões do Plano de Educação

noticia_122352
Com a presença de doze vereadores a Câmara Municipal de Caicó aprovou nesta segunda-feira (22) o Plano Municipal de Educação para os próximos dez anos. A polêmica se voltou para uma emenda supressiva de autoria do vereador Leleu Fontes (PROS), que retirou expressões como “Gêneros ou orientação sexual” do Plano. A emenda de Leleu foi aprovada pelos vereadores Leleu Fontes, Alex Dantas, Odair Alves, Mara Costa, Nildson Dantas, Zé Maria, Mancuso, Ivanildo do Hospital e Alisson Jackson, contando apenas com os votos contrários dos vereadores José Rangel, Djalma Mota e Júlio Gregório. Ao Blog do Marcos Dantas, Leleu justificou que as expressões gêneros ou orientação sexual já vinha sendo discutida no Congresso Nacional, e houve a retirada porque a maioria dos congressistas chegou à conclusão que essa ideologia poderia trazer danos irreparáveis a questão da desconstrução aos nossos hábitos, costumes e a própria formação educação, a questão da Família, do Matrimonio e da maternidade.

“Nós nos preocupamos porque existe uma orientação para que as câmaras municipais de todo o País venha se sobrepor a essa idéia dos tecnocratas do Governo do PT em nível Federal, e de alguns parlamentares que queriam impor essa ideologia e não concordamos, no caso especifico de Caicó nos manifestamos contrários, e recebemos vários e-mails de educadores, de cidadãos preocupados e tivemos o apoio da maioria dos vereadores”, explicou. O vereador não acredita que o Plano deixe de contemplar a inclusão social dos mais variados segmentos apenas pela retirada da expressão gênero.

Ouvido pelo Blog, o vereador José Rangel lamentou que a emenda supressiva de Leleu tenha sido aprovado, e justificou sua posição contrária a retirada da expressão “Gênero”. “Eu acho que estamos retroagindo em tudo que avançamos nos últimos 30 anos. Uma questão de gênero no plano é você ter abertura, inclusive nestes próximos dez anos o PME versa sobre o futuro da educação. Esse é um ponto. Acredito que ele restringe qualquer politica que venha a dar incentivo nesta área. O mais grave foi à retirada das universidades no Plano. O PME tem metas POUSADAS, e a primeira delas é erradicar o analfabetismo. As universidades não podem ficar de fora porque tem tudo a ver com as metas estabelecidas para o município de Caicó nos próximos dez anos”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTENDA OS MASSACRES DE CUNHAÚ E URUAÇU, DATA QUE É FERIADO NO RIO GRANDE DO NORTE

Odon Jr e Anderson realizam Festa da Vitória na próxima terça-feira (11), véspera de feriado

Festa do Boi começa nesta sexta com Aviões, Simone & Simaria, Luan Estilizado, entre outras atrações