PREFEITURA INVESTE NA SAÚDE DE ACARI


Os investimentos da Prefeitura de Acari na área da Saúde são refletidos nos dados estatísticos. Enquanto a Lei Complementar nº 141/2012 estabelece a aplicação do percentual de 15% de recursos próprios em ações e serviços públicos de saúde, a gestão municipal investe aproximadamente 18%. Quanto a estrutura física, conta com 05 (cinco) unidades básicas de saúde da Estratégia Saúde da Família com o Programa de Saúde Bucal e um Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF, além de um Centro de Saúde, o Setor de Vigilância Sanitária, de Endemias e Zoonoses. A Clínica de Fisioterapia e a Farmácia Básica também prestam serviço de atenção básica, complementando as ações de saúde. Em 2015 a Secretaria Municipal de Saúde realizou as seguintes ações:

1. Aquisição de um veículo zero-quilômetro tipo Ambulância para simples remoção de pacientes;
2. Reestruturação das Unidades de Saúde com aquisição de equipamentos, tais como: cadeiras, ares-condicionados, gelágua/bebedouros de coluna, geladeiras, armários, estantes, birôs e cadeiras, computadores e impressoras, monitor e desfibrilador cardíaco, macas, destilador de água etc;
3. Conexão de internet nas unidades básicas de saúde com a implantação da Sala de Vacina;
4. Implantação do Programa de controle de distribuição de medicamentos – HÓRUS na Farmácia Básica Municipal, possibilitando o registro dos medicamentos e facilitando o gerenciamento eletrônico do serviço farmacológico;
5. Implantação de serviço de eletrocardiograma de forma eletiva para atender os usuários de avaliação cirúrgica;
6. Contratação de 30 funcionários na área de saúde através de Processo Seletivo Simplificado para atender as necessidades de funcionamento dos serviços básicos existentes;
7. Distribuição gratuita de medicamentos aos usuários através do Programa da Farmácia Básica Municipal;
8. Oferta de procedimentos de média complexidade através do Consórcio Intermunicipal de Saúde, tais como: ecocardiograma, endoscopia, teste ergométrico, colposcopia, colonoscopia, risco cirúrgico, ultrassonografias, consultas especializadas, serviço de traumatologia, entre outros, contabilizando 1.154 procedimentos;
9. Com recursos financeiros de média complexidade referenciados para Caicó/RN foram realizados 1.572 procedimentos e para Natal/RN 254 procedimentos ambulatoriais de média complexidade;
10. Acesso da população aos procedimentos de Alta Complexidade ambulatorial com a realização de 303 exames entre Tomografia Computadorizada, Ressonância Magnética, Densitometria Óssea, Cintilografias, Angiografias e Litotripsia;
11. Confecção e distribuição gratuita de 260 próteses dentárias, beneficiando mais de 150 usuários através do “Programa Brasil Sorridente”;
12. Utilização dos Testes Rápidos para triagem e/ou diagnóstico de Sífilis, HIV e Hepatite B e C em todas as unidades básicas de saúde, reconhecendo a necessidade do serviço, principalmente para gestantes;
13. Coleta de amostras e análises de água em 75 pontos diversos da cidade, visando garantir a potabilidade da água destinada ao consumo humano, através do Setor de Vigilância Sanitária;
14. Implantação do “Projeto de Combate ao Tabagismo” visando reduzir a prevalência de fumantes e a consequente mobimortalidade relacionada ao consumo de derivados do tabaco;
15. Manutenção do “Projeto Saúde em Movimento” voltado à prática da atividade física e corporal, com público prioritário de hipertensos e diabéticos com mais de 100 participantes;
16. Desenvolvimento das atividades do “Programa Saúde na Escola” contribuindo para a formação integral dos estudantes da rede pública de educação básica por meio de ações de prevenção, promoção e atenção à saúde de forma articulada entre saúde e educação;
17. Assistência aos portadores de glaucoma com acompanhamento e recebimento de medicação/colírios de forma gratuita, atendendo mais de 100 pacientes a casa três meses, pelo Programa de Glaucoma do Ministério da Saúde;
18. Fornecimento de métodos contraceptivo oral e injetável, preservativos masculino, material educativo por contratação de empresa/associação especializada na promoção e apoio aos projetos e ações voltadas a saúde sexual e reprodutiva, tendo como base o Programa de Saúde Reprodutiva e Planejamento Familiar;
19. Realização de coleta, tratamento e destinação final dos resíduos dos serviços de saúde, como proteção e medidas de biossegurança, através da Empresa Stericycle;
20. Adoção ao processo de lavagem e secagem da roupa hospitalar por meio de técnicas que visem à minimização ou completa erradicação dos riscos de infecção hospitalar com a contratação de empresa especializada para realizar o serviço;
21. Construção do prédio do “Polo da Academia da Saúde”, localizado no Conjunto Novo Acari, em fase terminal para inauguração e funcionamento;
22. Realização da 6ª Conferência Municipal de Saúde abordando como tema central: “SAÚDE PÚBLICA DE QUALIDADE PARA CUIDAR BEM DAS PESSOAS: DIREITO DO POVO BRASILEIRO”, com os eixos temáticos: Direito à Saúde, Garantia de Acesso e Atenção de Qualidade e Financiamento do SUS e Relação Público-Privado, realizada no dia 14 de julho de 2015;
23. Atualização cadastral da população junto ao Ministério da Saúde no “Programa Cartão SUS”, com o fornecimento do novo instrumento em mídias plásticas do cartão;
24. Manutenção e funcionamento dos programas Saúde da Família, Saúde Bucal, Agentes Comunitários de Saúde, Agentes de Endemias, Núcleo de Apoio à Saúde da Família e dos serviços de Fisioterapia, Vigilância em Saúde e Zoonoses, Laboratório de Análises Clínicas, Farmácia Básica e Serviço de Controle e Avaliação;
25. Manutenção do convênio com o Hospital Maternidade de Acari com o repasse financeiro contratual de R$ 7.000,00 mensal, além do pagamento da produção dos procedimentos ambulatoriais e de internações hospitalares nas clínicas obstétrica, cirúrgica, médica e pediátrica;
26. Permanência de 09 servidores municipais prestando serviços no Hospital Maternidade de Acari, com garantia financeira dos direitos trabalhistas;
27. Manutenção do convênio para garantia do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, programa que tem como finalidade prestar o socorro à população em casos de emergência, com base centralizada em Currais Novos;
28. Adesão aos programas de avaliação dos indicadores de saúde tais como: 
• PMAQ-AB – Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB) tem como objetivo incentivar o gestor e as equipes a melhorar a qualidade dos serviços, avaliando as metas e indicadores de saúde;
• PQAVS – Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde (PQA-VS) que estimula o gestor a melhorar os serviços com base nos compromissos e resultados expressos em metas e indicadores pactuados.
29. Realização de audiência pública para aprovação das novas diretrizes para composição, estruturação e funcionamento do Conselho Municipal de Saúde, adequando a Resolução 453/2012 e a Lei Federal 8.142/90, além da aprovação da Lei através da Câmara Municipal;
30. Realização de eventos de prevenção e promoção da saúde:
• Campanha de combate a Dengue com várias ações tais como: concurso de frase de alerta a dengue, passeio ciclístico, palestras educativas nas escolas - abril; 
• Campanha de Vacinação contra Gripe - maio; 
• Campanha de Multivacinação para crianças menores de 5 anos – em junho e agosto;
• Campanha de Vacinação contra o HPV - julho;
• Participação na “Ação de Cidadania” com várias atividades na área da saúde nos meses de maio, junho e julho, respectivamente;
• Campanha de Vacinação Antirrábica Canina e Felina entre outubro e dezembro, com cobertura na área urbana e rural imunizando mais de 3.500 animais;
• Campanha de Prevenção e Combate ao Calazar com coleta sanguínea para diagnóstico da doença e distribuição de coleiras em 250 animais - agosto;
• Operação de captura a Flebótomos (mosquito transmissor de Calazar) em residências que apresentaram resultado positivo da doença, através de equipe especializada do Setor de Zoonoses do nível central – Natal - setembro;
• Realização da “Campanha Outubro Rosa” de prevenção à Saúde da Mulher com a oferta de 367 mamografias;
• Campanha de prevenção à Saúde do Homem denominada “Novembro Azul” com cobertura de 280 coletas de exames PSA, para diagnóstico do câncer de próstata;
• Campanha de Combate a Doença de Chagas com captura de triatomíneos e borrifação em áreas positivas, especificamente na área rural;
• Semana de Esclarecimento e Prevenção ao Aedes Aegypti que abordou a relação entre o Zica Vírus e os altos índices de microcefalia na região Nordeste, como também o alerta a população sobre a prevenção e eliminação do mosquito – dezembro.
31. Aprovação, através de pesquisa, de 57,5% da população acariense, que consideraram a Secretaria Municipal de Saúde a instituição de saúde local mais bem avaliada, seguida do Hospital Maternidade e do Hospital Regional.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTENDA OS MASSACRES DE CUNHAÚ E URUAÇU, DATA QUE É FERIADO NO RIO GRANDE DO NORTE

Odon Jr e Anderson realizam Festa da Vitória na próxima terça-feira (11), véspera de feriado

Festa do Boi começa nesta sexta com Aviões, Simone & Simaria, Luan Estilizado, entre outras atrações