Número de mortes violentas cai nas três maiores cidades do RN, aponta Sesed

O município de Mossoró registrou a 100ª morte violenta na noite da última terça-feira (18), quando uma mulher de 75 anos foi assassinada com um tiro após tentar defender um parente. O número alarmante assusta à população, que convive diariamente com a criminalidade. Contudo, dados da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Norte (Sesed) apontam que houve diminuição do quantitativo de mortes, se comparado com o mesmo período do ano passado. O mesmo vale para as cidades de Natal e Parnamirim, que completam a lista das maiores do RN.
Junior Santos

De acordo com dados da Sesed, número de mortes violentas entre janeiro e agosto de 2015 caiu no RN, se comparado com o mesmo período de 2014

De acordo com os dados da Sesed, em 2014 Mossoró atingiu o número de 100 CVLIs (crimes violentos letais intencionais) ainda durante o mês de julho. Até o dia 19 de agosto do ano passado, o número era 109 CVLIs. A redução se comparada com os números de 2015 foi de 8,26%, a menor entre as três maiores cidades do estado. Porém, o último mês de julho foi o mais violento do período, com 24 mortes na cidade da região Oeste.

Em Natal a diminuição foi maior. Segundo a Sesed, entre janeiro e agosto de 2015 foram 292 CVLIs, contra 381 no mesmo período do ano passado. Apenas em janeiro e março deste ano os números de crimes ultrapassaram a marca dos 40 (49 e 45, respectivamente).

Já Parnamirim, na região Metropolitana, os números de 2015 também apresentam diminuição se levados em conta os dados do mesmo período de 2014. Ao todo, foram 89 CVLIs neste ano, contra 98 no ano passado, o que representa uma dimunuição de 9,18%. No comparativo entre os meses, abril foi o que teve maior redução (16 em 2014 e quatro em 2015), chegando aos 75%.

Em geral, o estado também registrou redução de CVLIs. Foram 1.155 em 2014, contra 1.009 em 2015, uma queda total de 12,64%. Destes, apenas dois tipos de crimes tiveram aumento: lesão corporal seguida de morte, de 24 para 26; e ações típicas do estado (mortes que acontecem em confronto com policiais), de 39 em 2014 para 44 em 2015.

O mês com maior número de mortes violentas no RN em 2015 foi janeiro, em que 155 CVLIs foram registrados em todo o estado.
Tribuna do Norte 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTENDA OS MASSACRES DE CUNHAÚ E URUAÇU, DATA QUE É FERIADO NO RIO GRANDE DO NORTE

Odon Jr e Anderson realizam Festa da Vitória na próxima terça-feira (11), véspera de feriado

Festa do Boi começa nesta sexta com Aviões, Simone & Simaria, Luan Estilizado, entre outras atrações