Aeroporto Aluízio Alves é quarto melhor na avaliação de satisfação dos usuários

Passageiros avaliaram positivamente aeroporto da Grande Natal

A satisfação geral do passageiro medida pela Secretaria de Aviação nos 15 aeroportos que movimentam 80% das pessoas que viajam de avião no Brasil alcançou a nota mais alta desde que a Pesquisa Permanente de Satisfação do Passageiro começou a ser feita, em janeiro de 2013. Em uma escala de 1 a 5, a nota média apurada no 3º trimestre de 2015 foi de 4,15. O aeroporto Governador Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, foi o quarto melhor na avaliação geral de satisfação dos usuários. 

Pelo levantamento realizado, 84% dos 13 mil passageiros ouvidos nos meses de julho, agosto e setembro deram notas de 4 a 5 para seus aeroportos. Somente 3% avaliaram como ruim ou muito ruim. A pesquisa registrou um aumento de 3% nas notas 5 e, dos 48 indicadores medidos, 33 tiveram notas acima de 4. Apenas 3% dos entrevistados avaliou os aeroportos como ruins ou muito ruins.

Guarulhos foi o aeroporto que mais melhorou em relação a si mesmo. Perguntados sobre a satisfação geral com o terminal, os passageiros deram nota média de 4,41. No trimestre anterior – abril, maio e junho, haviam dado 4,04. Há um ano, 3,46. Curitiba continua o aeroporto mais bem avaliado do país. Conquistou 4,51, a nota mais alta conferida pelos passageiros entre os 15 aeroportos pesquisados. É a primeira vez que a pesquisa registra nota acima de 4,50 para satisfação geral com o terminal. No trimestre anterior, havia obtido 4,43. 

Na disputa direta com Natal para sediar o Hub de conexões daTAM, o aeroporto de Recife foi o terceiro mais bem avaliado, com 4,39, pouco à frente de Natal e Campinas, que ficaram empatados no 4º lugar com 4,36 na nota de satisfação geral dos usuários. Fortaleza, que também disputa o hub, é o 7º melhor avaliado do país, com média de 4,19 na satisfação geral dos passageiros.

Dos 48 indicadores avaliados, Natal foi o melhor em oito: caminho mais fácil para aeroporto (4,75), distância de caminhada do terminal de passageiros (4,75), cordialidade de funcionários do aeroporto (4,81), conforto da sala de embarque (4,60), Integridade da bagagem (4,62), painel com informações de voo (4,60, empatado com Brasília), disponibilidade de meio-fio (4,74) e facilidade para realizar conexões, único pontos entre todos os avaliados nos aeroportos do país em que todos os participantes da pesquisa deram nota 5, que é a nota máxima.

Por outro lado, o aeroporto do Rio Grande do Norte foi o pior em três dos indicadores: qualidade e quantidade de lanchonetes (2,55), quantidade e qualidade de estabelecimentos comerciais (2,37) e disponibilidade de táxi (3,56).

A pesquisa ouviu 13.086 pessoas nos quinze aeroportos pesquisados. Entre os que foram entrevistados, 8.327 faziam voos domésticos e 4.759 fizeram voos internacionais.

Confira a pesquisa completa aqui.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTENDA OS MASSACRES DE CUNHAÚ E URUAÇU, DATA QUE É FERIADO NO RIO GRANDE DO NORTE

Odon Jr e Anderson realizam Festa da Vitória na próxima terça-feira (11), véspera de feriado

Festa do Boi começa nesta sexta com Aviões, Simone & Simaria, Luan Estilizado, entre outras atrações