Ministério Público instaura inquérito para apurar irregularidades no Hospital Regional de Acari


O Ministério Público do Rio Grande do Norte, por meio do promotor de Justiça substituto da Comarca de Acari, Edgard Jurema de Medeiros, instaurou um inquérito civil, no dia 14 de janeiro, "objetivando a adoção de providências para apurar a situação funcional do Hospital Regional de Acari". A decisão foi tomada em razão de irregularidades encontradas na referida unidade de saúde, parte delas "detectadas no Relatório de Perícia Técnica nº 1829". A direção do Hospital terá que justificar se tais irregularidades "foram sanadas ou se há previsão para tomada de medidas no âmbito administrativo visando corrigir os problemas verificados".

O Hospital Regional Dr. Odilon Guedes da Silva vem passando por inúmeras dificuldades, sem que haja um compromisso efetivo do Governo do Estado para resolvê-las. Uma delas é a falta de médicos. Para se ter uma ideia, apenas dois profissionais estão na escala de janeiro, fazendo com que a população fique sem atendimento durante 22 dias do mês. A unidade está com uma das duas ambulâncias quebrada e enfrenta problemas com telefone e internet. Sem falar no atraso salarial dos servidores terceirizados.

Enquanto isso, as lideranças políticas que apoiam o atual governo e prometeram inúmeras melhorias para o Hospital Regional de Acari permanecem em silêncio.

Clique aqui para saber mais sobre o inquérito no Diário Oficial do RN.
Fonte: Romeu Dantas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTENDA OS MASSACRES DE CUNHAÚ E URUAÇU, DATA QUE É FERIADO NO RIO GRANDE DO NORTE

Odon Jr e Anderson realizam Festa da Vitória na próxima terça-feira (11), véspera de feriado

Festa do Boi começa nesta sexta com Aviões, Simone & Simaria, Luan Estilizado, entre outras atrações